ANADEF | Associação Nacional das Defensoras e Defensores Públicos Federais (61) 3326.9121
O Globo: Defensoria Pública da União pede e Caixa retira exigência prejudicial a pessoas com deficiência de concurso público
Sexta, 17 de Setembro de 2021

O Globo: Defensoria Pública da União pede e Caixa retira exigência prejudicial a pessoas com deficiência de concurso público

A Defensoria Pública da União e a Defensoria Pública Estadual do Rio enviaram, ontem, uma recomendação para a precidência da Caixa Econômica Federal. Pediu para que fosse retirada do edital do Concurso da CEF uma exigência que poderia vir a prejudicar as pessoas com deficiência (PCDs) mais vulneráveis.

É que o edital para o concurso público, exclusivo para PCDs, para os cargos de técnico bancário novo e técnico bancário novo - TI exigia laudo médico de até 36 meses assinado por certificação digital. Segundo as defensorias, apenas 57% dos médicos possuem este tipo de certificação. As pcds que dependem do SUS acabariam excluídas.

Hoje, o Diário Oficial da União publicou retificação do edital, que vai ao encontro da recomendação, que era para que a CEF aceitasse os laudos médicos digitalizados com carimbo e CRM do médico.


Compartilhe esta notícia:
O Globo: Defensoria Pública da União pede e Caixa retira exigência prejudicial a pessoas com deficiência de concurso público
Pesquise em todo o site:

Associação Nacional das Defensoras e Defensores Públicos Federais - ANADEF
SBS Qd 02 Bloco E Lote 15 Sala 303 - Edifício Prime Business Convenience
Brasilia - DF - CEP: 70070-120
Fone: (61) 3326.9121

ACESSE NOSSAS REDES

DPU
ANADEF® TODOS OS DIREITOS RESERVADOS