ANADEF | Associação Nacional dos Defensores Públicos Federais (61) 3326.9121
Nota pública em defesa da Instituição
Quarta, 03 de Junho de 2020

Nota pública em defesa da Instituição

A Associação Nacional dos Defensores Públicos Federais - ANADEF repudia as alegações feitas à Defensoria Pública da União - DPU - pelo sr. Sérgio Camargo, presidente da Fundação Cultural Palmares-FCP.

Tais declarações, além de desrespeitosas, não correspondem à verdade, e, por isso, a Anadef sente-se no dever de prestar alguns esclarecimentos, em respeito às cidadãs e cidadãos brasileiros.

1) A Defensoria Pública da União é, segundo a Constituição Federal de 1988, “uma instituição permanente, essencial à função jurisdicional do Estado”.

2) Incumbem à DPU, como expressão e instrumento do regime democrático, a orientação jurídica, a promoção dos direitos humanos e a defesa judicial e extrajudicial dos direitos individuais e coletivos, de forma integral e gratuita, dos necessitados.

3) No exercício de suas funções constitucionais, os Defensores Públicos Federais, legalmente investidos no cargo através de concurso público, são dotados de independência funcional, prerrogativa indispensável à defesa dos mais vulneráveis, seus assistidos.

4) A atuação dos Defensores é pautada por parâmetros constitucionais e legais, cuja finalidade é garantir que seu trabalho sempre esteja em consonância com a defesa do regime democrático e da promoção de direitos humanos.

Desta forma, não condiz com a realidade a alegação de que a DPU seja um “órgão aparelhado”, que atua com viés ideológico e partidário.

A autonomia constitucionalmente garantida possibilita que a DPU cumpra de forma isenta seu papel de defesa daqueles mais necessitados.

A proteção e promoção dos direitos humanos exige um esforço coordenado das diversas instituições envolvidas.

Manifestações como estas não diminuirão o ânimo dos Defensores Públicos Federais para continuar no trabalho de salvaguarda e defesa dos direitos das pessoas e grupos da população negra brasileira, incluindo as comunidades quilombolas, que devem ser protegidas por políticas públicas elaboradas pela Fundação Palmares.

Pelo contrário. Nosso único intuito é resguardar os interesses dos cidadãos, contribuindo para o fortalecimento de uma sociedade mais diversa, democrática e justa.

Associação Nacional dos Defensores Públicos Federais (Anadef)


Compartilhe esta notícia:
Nota pública em defesa da Instituição

Associação Nacional dos Defensores Públicos Federais - ANADEF
SBS Qd 02 Bloco E Lote 15 Sala 303 - Edifício Prime Business Convenience
Brasilia - DF - CEP: 70070-120
Fone: (61) 3326.9121

ACESSE NOSSAS REDES

DPU
ANADEF® TODOS OS DIREITOS RESERVADOS